Flórida

Moradores, vítimas do desabamento de condomínio em Surfside, no sul da Flórida, fecham acordo de quase US$ 1 bilhão

O litígio de indenização às famílias das vítimas e sobreviventes da tragédia que culminou com o colapso da Champlain Towers South, na cidade litorânea de Surfside, localizada há 10 milhas do norte de Miami, no ano passado foi fechado nesta quarta-feira, 11, em US$ 997 milhões.

O edifício residencial de 12 andares desabou parcialmente por volta da 1h15 da manhã do dia 24 de junho e matou 98 pessoas. Aproximadamente 55 das 136 unidades do complexo à beira-mar foram destruídas.

O acordo com as seguradoras cobrirá as famílias das vítimas e os sobreviventes. O juiz do condado de Miami-Dade, Michael Hanzman, disse que “o resultado é fantástico e o valor vai muito além do que  esperava.”

O juiz disse que todo o acordo deve ser finalizado até 24 de junho, aniversário do desabamento, com pagamentos feitos até o outono. Os valores que cada família vai receber ainda não foram definidos. As moções para aprovação preliminar serão entregues no máximo em uma semana.

As vítimas variaram de crianças pequenas, inclusive o filho de uma brasileira, a casais idosos, além de famílias inteiras, moradores antigos de Surfside e turistas hospedados no prédio.

Sobre autor

Avatar

Nossa Radio USA - News

Add Comentário

Click here to post a comment