Imigração

Mais 50 brasileiros se tornam cidadãos americanos em museu da ‘História Afro-americana’ em Massachusetts

O Departamento de Serviços de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos (USCIS) e o Tribunal Distrital de Massachusetts, receberam nesta segunda-feira, (20), os mais novos 50 cidadãos americanos, durante uma cerimônia especial para celebrar o Juneteenth, um feriado nacional nos Estados Unidos que comemora a emancipação dos afro-americanos escravizados, em cerimônia realizada no ‘Museu da História Afro-americana’.

A Secretária Adjunta de Parceria e Engajamento do Departamento de Segurança Interna, Eva Millona, ​​fez um discurso de felicitações aos novos cidadãos. O juiz distrital sênior, Rya W. Zobel, administrou o Juramento de Fidelidade aos candidatos à cidadania. O evento ocorreu no Museu de História Afro-Americana. Os 50 candidatos à cidadania vêm dos seguintes 31 países: Bangladesh, Barbados, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Cabo Verde, Canadá, República Dominicana, Equador, El Salvador, Etiópia, França, Guatemala, Haiti, Honduras, Índia, Iraque, Itália, Jamaica, Líbano, Mauritânia, México, Nepal, Portugal, África do Sul, Coreia do Sul, Sudão, Suíça, Tailândia, Reino Unido, Venezuela e Vietname.

O USCIS frequentemente participa de cerimônias de naturalização em museus, escolas, bibliotecas e outros locais ​​para aumentar a conscientização pública, destacar a importância da cidadania e honrar a conclusão da jornada de imigração de um novo cidadão. Locais especiais tornam as cerimônias mais significativas para aqueles que escolheram voluntariamente participar da democracia norte-americana e se dedicar ao futuro do país.

 

About the author

Nossa Rádio

Add Comment

Click here to post a comment

Anúncios