Massachusetts Destaques

Governador Charlie Baker promete garantir que o aborto permaneça legalizado em Massachusetts

O governador de Massachusetts, Charlie Baker, disse que o estado protegerá o direito de uma mulher de escolher um aborto, após o projeto que sugere que a Suprema Corte poderia estar pronta para anular a decisão de 1973 Roe vs. Wade, que legalizou o aborto em todo o país.

Ao fazer uma aparição no “On the Record” da WCVB no domingo do dia das mães, Baker prometeu garantir que o direito ao aborto permaneça legal na Comunidade de Massachusetts, mesmo que a Suprema Corte anule Roe v. Wade.

“Eu certamente apoio o direito de escolha de uma mulher. Eu sempre apoiei, por isso que assinei a favor da legislação em várias ocasiões e argumentei e defendi recursos e financiamento para tornar isso possível”, disse Baker.

“Também assinamos a legislação e apoiamos o financiamento de uma ampla gama de serviços de saúde reprodutiva para mulheres aqui em Massachusetts, para que não haja barreiras a esses serviços.”

Baker vetou a Lei ROE do estado, que codifica o direito ao aborto, mas o Senado de Massachusetts votou para anular esse veto em dezembro de 2020. O projeto de lei também expandiu o acesso ao aborto para alguns menores e permitiu o procedimento após 24 semanas de gravidez, sendo os dois pontos da legislação na qual o governador não concorda.

“Eu não apoio essas seções, e é por isso que não assinei a lei. Eu absolutamente apoiei o resto, o que estou feliz que seja lei aqui na comunidade”, disse Baker no domingo.

Baker disse que está preocupado com a proibição nacional do aborto e que, se o parecer da Suprema Corte em última análise prevalecer, seria um grande revés para as mulheres.

Sobre autor

Avatar

Nossa Radio USA - News

Add Comentário

Click here to post a comment