Destaques Internacionais

Dina Boluarte assume a presidência do Peru após impeachment de Pedro Castillo

Dina Boluarte, que era a vice-presidente de Pedro Castillo, assumiu a presidência do Peru nesta quarta-feira (7) e, assim, tornou-se a primeira mulher a liderar o país.

Ao assumir, Dina disse que houve uma tentativa de golpe de Estado de Pedro Castillo, e que o Congresso evitou isso.

A nova presidente pediu unidade de todos os peruanos e disse que é preciso conversar e tentar chegar a acordos. Dina anunciou que vai pedir para que o Ministério Público a ajude a tirar “as máfias” do governo e que o gabinete dela terá “todas as forças democráticas”.

No salão do Congresso havia representantes das Forças Armadas, que foram aplaudidos durante o discurso de Dina.

Dina Boluarte chegou ao poder depois que o Congresso aprovou o impeachment de Castillo. Ele foi destituído após uma tentativa de dissolver o Legislativo e decretar estado de exceção e toque de recolher no Peru.

A reação no país fui rápida: a Suprema Corte chamou a decisão de golpe de Estado, assim como a polícia, as Forças Armadas e o Ministério Público.

Após a aprovação do impeachment, os deputados convocaram Dina Boluarte para assumir a presidência no próprio Congresso. Os deputados aguardaram a chegada dela.

Em julho de 2021, Dina Boluarte foi nomeada por Pedro Castillo ministra do Desenvolvimento e Inclusão Social do Governo. Ela renunciou ao cargo em novembro deste ano, após mais de um ano no ministério.

A nova presidente é da cidade de Chalhuanca, e formou-se em direito. Ainda como vice-presidente, ela criticou a tentativa de Castillo de fechar o Congresso.

Sobre autor

Nossa Radio USA - News

Nossa Radio USA - News

Add Comentário

Click here to post a comment

EnglishPortuguese