Covid-19

Aumentam novamente os casos de COVID-19 nos EUA

Mais uma vez, os EUA poderão ver outro surto de COVID-19, com casos aumentando nacionalmente e na maioria dos estados após um declínio de dois meses, alimentados pela variante BA.2.

Ninguém espera um pico tão alto quanto o último, quando a versão ômicron mais  contagiosa do coronavírus atingiu a população. Mas especialistas alertam que a próxima onda – causada pela variante chamada BA.2, que se acredita ser cerca de 30% mais contagiosa – se espalhará por todo o país e aumentará as hospitalizações em um número crescente de estados nas próximas semanas.

“Não sabemos até onde essa montanha vai crescer”, disse Stuart Campbell Ray, especialista em doenças infecciosas da Universidade Johns Hopkins. A onda de casos será maior do que parece, alertam, porque os números relatados serão a maior parte subnotificados, à medida que mais pessoas testam em casa sem relatar suas infecções ou pulam completamente os testes.

Na Flórida, os casos de COVID caíram drasticamente por meses, mas começaram a aumentar. Analisando os dados mais recentes do CDC, a Flórida relatou 2.565 novos casos de COVID-19 ao governo federal na última terça-feira. Esta é a primeira vez desde 25 de fevereiro que o estado registrou mais de 2.500 casos em um dia. A média de 7 dias para novos casos agora é de 1.961 casos por dia. Após o aumento da ômicron no inverno, a média de 7 dias atingiu queda em 21 de março, em 1.127 casos por dia.

Com base na amostragem, o CDC estima que 21,14% dos novos casos de COVID da Flórida são devidos à variante Omicron BA.2. Dessa forma, os EUA podem acabar se parecendo com a Europa, onde o aumento do BA.2 foi “substancial” em alguns lugares que tinham níveis comparáveis de imunidade.

Segundo os especialistas, a BA.2 se moverá gradualmente pelo país. O Nordeste foi o mais atingido até agora – com mais de 90% das novas infecções causadas por BA.2 na semana passada, em comparação com 86% nacionalmente. Na última quinta-feira, as taxas mais altas de novos casos de COVID per capita nos últimos 14 dias estavam em Vermont, Rhode Island, Alasca, Nova York e Massachusetts.

Alguns estados, como Rhode Island e New Hampshire, viram a média de novos casos diários aumentar mais de 100% em duas semanas.

Sobre autor

Avatar

Nossa Radio USA - News

Add Comentário

Click here to post a comment