Flórida

3 irmãos são presos acusados de participarem da morte de um cantor de rapper em Miami-Dade

A polícia prendeu três irmãos acusados de fazerem parte de uma quadrilha que teria provocado um tiroteio culminando com a morte de 1 homem que iniciava a carreira como rapper.

De acordo com os investigadores, o tiroteio está ligado a outra tentativa de assassinato que teria acontecido no meio da Palmetto Expressway e que interrompeu o tráfego por horas.

Kemard Jacques e o irmão dele Ahmad Jacques estão atrás das grades acusados de matar Troyvon Smith, 26 anos, O crime aconteceu em fevereiro deste ano no noroeste de Miami-Dade. Esta não é a primeira vez que eles foram presos. A polícia diz que além deles, seis homens estavariam envolvidos no assassinato, incluindo Timothy Starks.

Starks, conhecido como o rapper de Miami Baby Cino, foi morto a tiros na Palmetto Expressway em março. Detetives agora dizem que a morte foi provavelmente em retaliação pelo assassinato de Smith. De acordo com a polícia, Starks havia organizado o aluguel de carros para os dois sedãs Mercedes envolvidos no crime e até teria pago para que eles fossem limpos depois.

Timothy Starks conhecido como Rapper Baby Cino assassinado em março.

O irmão de Kemard e Ahmad, Ameko Jacques, também participou da audiência de custódia, acusado de ser cúmplice dos tiroteios no noroeste de Miami-Dade. Ele já estava preso por ter atropelado dois estudantes, em Brickell, em dezembro do ano passado.

Kemard Jacques tem uma longa ficha criminal, segundo a polícia. Ele foi baleado em Miami Gardens em 2014 e preso por levar uma arma para dentro do Miami Northwestern Senior High quando era adolescente.

About the author

Avatar

Nossa Radio USA - News

Add Comment

Click here to post a comment