Notícias

Pesquisa aponta que a não imunização pode causar surtos de doenças nos EUA

Publicado: junho, 2018

Pesquisa aponta que a não imunização pode causar surtos de doenças nos EUA

Alguns estados e regiões metropolitanas dos EUA estão sendo consideradas vulneráveis ​​a surtos de doenças evitáveis ​​por vacinas, sugere uma nova pesquisa. Esses locais, agora tidos como “hot spots” para aumento de doenças, adotaram em lei a isenção de vacinas e onde a maior parte dos pais desistiu da vacinação.

O risco de surtos está aumentando em 12 dos 18 estados que permitem isenções não médicas de vacinações infantis, de acordo com o estudo publicado na revista PLOS Medicine no dia 13 deste mês. Esses estados são Arkansas, Arizona, Idaho, Maine, Minnesota, Dakota do Norte, Ohio, Oklahoma, Oregon, Pensilvânia, Texas e Utah.

Durante a última década, esses estados viram um aumento no número de isenções de vacinas em crianças que acabam entrando no jardim de infância sem estarem imunizadas, disse o Dr. Peter Hotez, co-autor do estudo e reitor da Escola Nacional de Medicina Tropical da Faculdade de Medicina Baylor, em Houston. “Este é um alerta”, disse.

Algumas regiões metropolitanas dos EUA consideradas “hot spots” também mostram uma alta proporção de isenções não-médicas e, portanto, podem ser especialmente suscetíveis a surtos. São elas: Seattle e Spokane, Washington; Portland, Oregon; Fénix; Salt Lake City e Provo, Utah; Houston, Fort Worth, Plano e Austin, Texas; Troy, Warren e Detroit, Michigan; e Kansas City, Missouri.

Os cientistas também identificaram alguns municípios menores em Idaho, Wisconsin e Utah com taxas de isenção contundentemente altas.

Crianças não imunizadas

Um grande número de crianças não imunizadas que vivem em grandes cidades com aeroportos internacionais movimentados pode contribuir para o risco de uma rápida disseminação da doença, de acordo com Hotez e seus co-autores. Os surtos de sarampo nos EUA geralmente são iniciados por pessoas que adoecem quando viajam para ou de um país onde o vírus é endêmico.

No geral, Idaho tem oito dos dez principais condados com as maiores taxas de isenção de vacinas não médicas. O limite inferior dessa faixa é de quase 15% da população de crianças nos jardins de infância que tem uma isenção de vacina não médica em Morgan, Utah, para 27% em Camas, Idaho. Outros top 10 municípios incluem Bonner, Vale, Custer, Idaho, Boise, Kootenai e Boundary, Idaho e Bayfield, Wisconsin.

Os estados onde uma porcentagem maior de pais exercem seu direito de não vacinar os filhos mostraram taxas de cobertura mais baixas da vacina MMR em particular, apontou o estudo. A vacina MMR é administrada a crianças em duas doses entre os 12 e os 15 meses e entre os 4 e os 6 anos, e protege contra o sarampo, a caxumba e a rubéola.

“Tivemos um surto terrível de sarampo em Minnesota no ano passado”, observou Hotez, acrescentando que a cobertura de vacinação em 90% a 95% de todas as crianças é necessária para proteger contra doenças altamente infecciosas.

Em 2015, a Califórnia votou em lei um regulamento contra tais isenções não médicas, que foram vistas como um fator contribuinte para o surto de sarampo em 2014. Entre 2016 e 2017, o número de crianças do jardim de infância com isenção não médica caiu para a menor taxa que o estado já viu em mais de uma década, disse Hotez.

Fronteiras

A preocupação das autoridades de saúde, no entanto, se estende além das fronteiras dos EUA. “Estou preocupado que este movimento antivacina europeu / americano se mova para países da parte sul do globo”, disse Hotez.

“O que estamos vendo na Europa agora – com terríveis surtos de sarampo em todo o continente – também pode começar nos EUA”, disse o pesquisador que observou que com mais de 10 mil casos de sarampo na Ucrânia este ano e taxas mais altas do que as usuais na Romênia, Itália, Grécia e Alemanha, 2018 vai superar o total de 20 mil casos de sarampo do ano passado em toda a Europa.

A partir do ano 2000, a Global Alliance for Vaccines and Immunization (Aliança Global para Vacinas e Imunização) foi colocada em prática a e conseguiu reduzir as mortes por doenças infecciosas infantis como o sarampo.

Fotos

Comentários no Facebook

MAIS LIDAS

julho 16, 2018 às julho 16, 2018 1:49

Donald Trump diz que Otan nunca foi tão forte

A ACLU de Massachusetts quer ter acesso ao banco de dados do Departamento de Polícia de Boston sobre gangues e...

Ler mais
agosto 3, 2018 às agosto 3, 2018 5:01

Rússia diz que novas acusações sobre ingerência nos EUA são histeria

A ACLU de Massachusetts quer ter acesso ao banco de dados do Departamento de Polícia de Boston sobre gangues e...

Ler mais
dezembro 21, 2016 às dezembro 21, 2016 4:44

Prefeito de Boston polemiza em entrevista coletiva, ao dar opinião sobre a eleição de Trump.

A ACLU de Massachusetts quer ter acesso ao banco de dados do Departamento de Polícia de Boston sobre gangues e...

Ler mais
junho 12, 2018 às junho 12, 2018 1:42

Reunião entre EUA e Coreia do Norte leva esperança à última fronteira da Guerra Fria

A ACLU de Massachusetts quer ter acesso ao banco de dados do Departamento de Polícia de Boston sobre gangues e...

Ler mais

Nossa Rádio USA

Newsletter