Notícias

Fed aumenta taxa de juros

Publicado: junho, 2018

Fed aumenta taxa de juros

O Banco Central americano ampliou ontem sua taxa básica de juros pela segunda vez no ano e prevê aumentos adicionais devido ao sólido ritmo de crescimento da economia dos EUA.

Ele também se mostrou mais otimista em suas previsões de crescimento, estimando um ritmo maior da inflação para 2018.

Após este aumento de um quarto de ponto (0,25) que era esperado pelos mercados, as taxas agora estão em uma faixa de 1,75% a 2%, indica um comunicado do Comitê de Política Monetária do Fed.

Trata-se da sétima alta desde o fim da política monetária de taxa zero do fim de 2015 que tinha sido adotada para sustentar a reativação, logo após a crise financeira.

A decisão sugere que o custo do crédito para compra de carros, imóveis e outros empréstimos acordados por bancos e consumidores poderia aumentar em breve.

O FOMC prevê também outros dois ajustes até o fim do ano, um a mais que projetado até então, diante do ritmo inflacionário, levemente mais rápido que o esperado.

Em relação ao último comunicado divulgado em maio, o Fed está ainda mais otimista em relação à qualidade do crescimento, que passou de “moderada” a “sólida”.

O banco central enfatiza que o consumo das famílias, o motor da maior economia do mundo, se acelerou e que os investimentos das empresas continuam a crescer “fortemente”.

Em uma declaração curta, que não cita o enorme estímulo orçamentário acordado pelo governo do presidente Donald Trump, que impulsionou a atividade, nem a tensão comercial com os parceiros comerciais dos EUA, o Fed prevê uma “expansão contínua”.

O presidente do Fed, Jerome Powell, anunciou ao fim da reunião do FOMC que suas coletivas de imprensa serão repetidas após cada reunião do FOMC para explicar as previsões e os critérios da agência em relação às taxas.

Powell também alertou que o medo sobre as tensões comerciais está crescendo nos círculos de negócios.

“Não vou comentar medidas específicas de comércio, (…) vou dizer que os temores sobre as mudanças na política comercial estão aumentando”, disse Powell, ressaltando que essas preocupações foram referidas tanto pelos diretores de empresas, quanto pelos presidentes de representações regionais do banco central.

Fotos

Comentários no Facebook

MAIS LIDAS

abril 4, 2017 às abril 4, 2017 2:27

Vazamento químico em caminhão da UPS de Brockton, assusta funcionários e moradores.

Judeu, nascido na Alemanha, o famoso físico Albert Einstein foi perseguido por Hitler e acusado de “traição” aos alemães. Escapou...

Ler mais
abril 12, 2018 às abril 12, 2018 1:34

Na esperança de uma intervenção americana no país, Sírios circulam memes de Trump com “nós te amamos”

Judeu, nascido na Alemanha, o famoso físico Albert Einstein foi perseguido por Hitler e acusado de “traição” aos alemães. Escapou...

Ler mais
maio 30, 2018 às maio 30, 2018 4:17

Aps 21 anos de sucesso por onde passa, o FOCUS BRASIL chega a Boston

Judeu, nascido na Alemanha, o famoso físico Albert Einstein foi perseguido por Hitler e acusado de “traição” aos alemães. Escapou...

Ler mais
janeiro 16, 2017 às janeiro 16, 2017 3:37

Final de semana de jogos e grandes atrações na Florida Cup 2017

Judeu, nascido na Alemanha, o famoso físico Albert Einstein foi perseguido por Hitler e acusado de “traição” aos alemães. Escapou...

Ler mais

Nossa Rádio USA

Newsletter